segunda-feira, 8 de julho de 2013

Quanto mais duro, mais mérito?


Foi um treino difícil. Havia muita chuva (pouca visibilidade, tênis e blusa pesados) e muito vento (dificuldade de respirar e deslocar). Apesar disso não foi extenuante como costuma ser nos dias de sol. 

Treino novo com 2km a mais. Eu sabia que ia conseguir, mesmo com todo aquele clima desfavorável. Fui mais lenta que nos longuinhos anteriores, mas sempre adoto esta estratégia quando aumento a quilometragem, 

Meu muro tem estado nos 12Km. Tenho me esforçado para move-lo, mesmo que um pouquinho, mas ainda é só uma meta. A partir daí a musculatura começa a cansar, as pernas a pesarem alguns quilos a mais e a mente a querer desistir. Mas sou forte e sigo em frente. 

Não gosto muito dos treinos mais dificeis. Prefiro quando corro com conforto, mas quando consigo concluir um treino assim me sinto vitoriosa!

Terminei o treino de sábado cansada e passei o dia todo cansada, mas no domingo acordei novinha em folha.

E hoje fui para a academia e segui meu treino direitinho apesar da enorme preguiça e da vontade de fugir de novo. Mas me comprometi comigo mesma e vou cumprir.