sexta-feira, 28 de junho de 2013

Surto psicótico

Tive um surto psicótico. É verdade! Passei boa parte da noite de ontem em claro. O motivo? O longuinho de hoje. Fiquei pensando que não ia conseguir, que ia fracassar, que ia ser sofrido... Por mais que tentasse ser racional, razoável comigo mesma sobre o absurdo de tudo isso, não teve jeitto: passei quase uma noite inteira insone. Ok, eu tenho mesmo um lado "doida varrida"! 

Vamos nessa enfrentar este longuinho!

 Bom, quando o despertador tocou eu já (ou melhor, ainda) estava acordada e claro, cansada. A solução? Pular da cama e:


  1. top? ok;
  2. bermuda? ok;
  3. camisa de manga longa? ok;
  4. polaina de compressão? ok;
  5. meias? ok;
  6. tênis? ok;
  7. café preto para levantar o moral? ok
  8. bananas para não sentir fome? ok;
  9. geis para suplementar? ok;
  10. cinto de hidratação para hidratar? ok;
  11. protetor solar? ok;
  12. boné? ok

Cedinho e já estava preparada para partir

Pois é! A única solução foi enfrentar o meu fantasma. Fui enfrentar o meu longuinho. E foi um bom treino. O tempo chuvoso ajudou claro. Continuo indo bem até o km 12 e depois empurrando com a cabeça. Mas baixei uns segundo do treinos anteriores e cheguei menos cansada.

E depois da corrida, só tive tempo de tomar uma chuveirada e correr para pegar o resto da aula de alongamento. Eu merecia aquele momento de estica e puxa!

Mala pronta

Amanhã vou viajar. O tênis já está na mala e espero poder fazer um treino fora. Só para manter a forma!