quarta-feira, 20 de março de 2013

Noite


Na segunda fui fazer um treino noturno. Como tenho medo de correr sozinha à noite, só vou quando tenho companhia. As meninas iam correr só 6km e eu queria aproveitar que a noite não é tão quente para aumentar a quilometragem. Então fui correr com os meninos, que são também triatletas. E foi sofrido!

Eles correram forte e me esforcei para acompanhar, mas nos dois últimos quilômetros perdi ritmo e fiquei para trás. O percurso também não é dos mais fáceis com ladeiras, calçadas de pedra portuguesa, muitas pessoas saindo do trabalho, carros e ônibus.

Quando a coisa apertou e minha mente começou a querer me sabotar, passei a olhar em volta para me distrair e não pensar mais em desistir. Deu certo. Quando me dei conta, estava chegando e ainda tive ânimo para fazer minha melhor volta.

Foi duro, mas foi bom. Foi bom porque consegui correr a quilometragem-objetivo (8km), porque mantive um pace bem razoável e porque de vez em quando gosto de correr em grupos. Além disso, eles puxaram o meu ritmo, fizeram com que me esforçasse. Então nem liguei de ter chegado mortinha!

Pace médio: 5'51''


Livro - continuo com Era uma vez um corredor, mas desta vez avancei bastante e estou gostando um pouco, porque entrou em uma fase que fala mais do treinamento de corrida do personagem principal.