segunda-feira, 18 de março de 2013

6km em Atalaia, Aracaju, Sergipe


Material de corrida separado
Um cafezinho para acordar direito

Agora sim! Prontinha para correr

E depois de 6Km, apreciando Atalaia, é hora de repor as energias.
Feliz com meu treino do sábado
Fui passar o fim de semana em Aracaju. Joguei o tênis na mala para treinar por lá no sábado. Já participei de provas, mas nunca havia treinado em outra cidade.

Mesmo tendo dormido muito mal na sexta (o colchão da pousada onde ficamos era péssimo!) acordei cedinho para meu treino em Atalaia. Tomei um café preto para acordar direito e lá fui eu. Havia sol, mas estava bem fresco. O vento era suave e deixava a temperatura agradável.

A orla estava quase vazia. Quase ninguém fazendo atividade física, o que me surpreendeu e me deixou com receio: será que era seguro correr por ali? Como o recepcionista da pousada garantiu que era, me joguei no asfalto (ótimo e liso) de Aracaju. Saí muito forte, provavelmente por conta da adrenalina. Aos poucos fui me sentindo mais à vontade e fui relaxando e coloquei minha corrida nos eixos. 

Quando estava chegando no quilômetro dois avistei uma lagoa à minha direita e resolvi entrar. Eram na verdade duas lagoas, cheias de patos, com uma pista de corrida ao longo delas, avançando na imensa faixa de areia da praia. Aí também não havia muita gente. Onde será que as pessoas correm nesta cidade?

Dei umas voltas nas lagoas e comecei a voltar, pela pista dos carros novamente, e então imprimi um pouco mais de ritmo, mas não muito, para poder apreciar o meu entorno. E assim fiz 6Km.

Foi um treino que me deixou muito feliz. É revigorante mudar o trajeto da corrida. E ao finalizar ainda pude apreciar um delicioso café da manhã. Básico, mas muito gostoso, com frutas frescas e doces, sucos da região, bolos típicos do nordeste, aimpim, batata doce, ovos, cuzcuz, pães e frios. Tudo o que eu precisava.

Pace médio: 5´41´´


O livro continua sendo Era Uma Vez Um Corredor. Não avancei muitas páginas.

P.S. - passei o final de semana em Sergipe porque meu namorado correu os 25Km da cidade de Aracaju. Ele adorou.